Categorias

Apostolado da Oração

Pesquisa

Lógica e Ontologia: O confronto entre Bertrand Russell e Hugh MacColl acerca dos Objectos Inexistentes

Valore, Paolo. “Lógica e Ontologia: O confronto entre Bertrand Russell e Hugh MacColl acerca dos Objectos Inexistentes.” Revista Portuguesa de Filosofia 63, no. 1–3 (2007): 391–405. DOI 10.17990/RPF/2007_63_1_0391.

Mais detalhes

À venda À venda!
10,00 €

136310391

Disponível apenas on-line





  • Lógica e Ontologia: O confronto entre Bertrand Russell e Hugh MacColl acerca dos Objectos Inexistentes

    Author Paolo Valore
    Rights © 2015 Aletheia - Associação Científica e Cultural | © 2015 Revista Portuguesa de Filosofia
    Volume 63
    Issue 1-3
    Pages 391-405
    Publication Revista Portuguesa de Filosofia
    ISSN 0870-5283; 2183-461X
    Date 2007
    DOI 10.17990/RPF/2007_63_1_0391
    Language Portuguese
    Abstract Resumo: Ponto de partida do presente artigo é uma interrogação acerca do significado existencial das proposições. Em primeiro lugar, é considerada a ideia de existência simbólica na lógica de MacColl, ao mesmo tempo que se assinalam os problemas que, na perspectiva de Bertrand Russell, estão associados com a auto-referência e o significado da classe-nula. Por outro lado, o artigo demonstra também até que ponto a própria perspectiva de Russell não está livre de problemas, de ambiguidades e de mudanças de opinião. O autor do artigo partilha a crítica de Russell sobre o significado do quantificador, acabando por usar Russell contra Russell, ou seja, a réplica russelliana de 1957 a G. J. Warnock contra a réplica russelliana de 1905 a MacColl. Assim, a partir de uma análise lógica do debate entre Russell e MacColl, o artigo procede a uma investigação da relação entre Lógica e Ontologia, considerando de um modo especial o caso dos objectos não-existentes. Palavras-Chave: Classe-nula; Conhecimento; Existência simbólica; Existência; Expressão; Frege, Gottlob (1848-1925); Linguagem; Lógica; MacColl, Hugh (1837-1909); Objectos inexistentes; Ontologia; Quantificação existencial; Reali-dade; Realismo; Referência; Russell, Bertrand (1872-1970); Semântica; Significado; Teoria das descrições. 

    Abstract: Moving from a technical, logical point of view in the Russell-MacColl debate about the existential import of propositions and the significance of the null-class, the paper tries to inquiry the relationship between logic and ontology, considering in special the case of non existing objects. Russell’s philosophical treatment of the existential quantification gains his full meaning in his realistic perspective. But it is possible to use this treatment versus Russell intentions, to deny that there is a supplementary (in space-time) existence, that “lies wholly outside Symbolic Logic”. Key Words: Existence; Existential Quantification; Expression; Frege, Gottlob (1848-1925); Knowledge; Language; Logic; MacColl, Hugh (1837-1909); Meaning; Non-existing objects; Null Class; Ontology; Realism; Reality; Reference; Russell, Bertrand (1872-1970); Semantics; Symbolic existence; Theory of descriptions.
    Date Added 14/07/2015, 14:49:43
    Modified 20/07/2015, 10:38:59

    Tags:

    • Logical Empiricism;
    • MacColl, Hugh
    • Ontology;
    • Russel, Bertrand

Carrinho  

Sem produtos

Envio 0,00 €
Total 0,00 €

Carrinho Encomendar

PayPal

Pesquisa