Categorias

Apostolado da Oração

Pesquisa

En Torno a la Legitimidad y el Sentido del Castigo por el Delito

Etxeberria Mauleon, Xabier. “En Torno a la Legitimidad y el Sentido del Castigo por el Delito.” Revista Portuguesa de Filosofia 70, no. 4 (2014): 765–86. doi:10.17990/RPF/2014_70_4_0765.

Mais detalhes

À venda À venda!
10,00 €

137040765

Disponível apenas on-line



  • En Torno a la Legitimidad y el Sentido del Castigo por el Delito

    Author Xabier Etxeberria Mauleon
    Rights © 2015 Aletheia - Associação Científica e Cultural | © 2015 Revista Portuguesa de Filosofia
    Volume 70
    Issue 4
    Pages 765-786
    Publication Revista Portuguesa de Filosofia
    ISSN 0870-5283; 2183-461X
    Date 2014
    DOI 10.17990/RPF/2014_70_4_0765
    Language Spanish
    Abstract Resumo O plural e conflituoso entendimento da legitimação da pena no Direito, tem origem nas diversas intencionalidades que lhe conferem sentido. Neste artigo são analisadas as intencionalidades mais relevantes, destacando os seus modelos justificativos: retribuição, reparação, prevenção, expiação, reabilitação e restauração (precedidas pela vingança, extrajudiríca). Para melhor análise destes são também consideradas a variável da temporalidade (passado, presente, futuro) e a variável dos sujeitos, que protagonizam a dinâmica do castigo (infractor, víctima, Estado, sociedade). Depois, num momento comparativo, destacam-se críticamente as confluências e as oposições. Assim será possível concluir que a intencionalidade restauradora e a sua firme relativização do castigo é aquela que melhor consegue articular as variáveis de sentido – com os seus valores –, a temporalidade e os sujeitos, pelo que se mostra ser a referência mais positiva para a legitimização. Contudo, dada a sua precaridade, devido ao seu surgimento recente, impõe-se reforçá-la reflexivamente e practicamente. Palavras-chave : expiação, pena, prevenção, reabilitação, reparação, restauração, retribuição, vingança

    Abstract The plural and conflictual understanding of the legitimacy of penalty in law stems from diverse intentionalities that constitute their respective meanings. This article analyzes the most relevant intentionalities. It seeks to highlight the models that justifies them: retribution, reparation, prevention, atonement, rehabilitation and restoration (preceded by vengeance, extrajudirical). To better analyze these models, the variable of temporality (past, present, future) and the variable of the subjects are also considered in view of the fact that they operate in the dynamics of punishment (offender, victim, State, society). Then, establishing comparisons, the confluences and oppositions are critically highlighted. In order to conclude that the restorative intentionality and its strong relativization of punishment is the one who can best articulate the variables of meaning – with their values, involving temporality and subjects. In the end, it proves to be the most positive reference for legitimization However, given its precariousness, due to its recent emergence, it must be strengthen in both reflection and practice. Keywords : atonement, prevention, punishment, rehabilitation, reparation, restoration, retribution, vengeance
    Date Added 02/07/2015, 17:20:41
    Modified 10/07/2015, 12:02:09

    Tags:

    • atonement
    • prevention
    • punishment
    • rehabilitation
    • reparation
    • restoration
    • retribution
    • vengeance

Carrinho  

Sem produtos

Envio 0,00 €
Total 0,00 €

Carrinho Encomendar

PayPal

Pesquisa